Antes de tudo, a bicicleta não é somente um equipamento utilizado para o lazer nos finais de semana. Ela é um verdadeiro meio de transporte e que acaba auxiliando o deslocamento dos usuários em diversas situações, como ida até o trabalho, a faculdade, a academia etc. Logo a rotina fica muito mais simplificada e há menos desperdício de tempo no trânsito, por exemplo.

Além disso, esse item também pode ter uma finalidade profissional. É o caso dos ciclistas que participam de campeonatos, por exemplo. Nesses casos, eles devem investir em bicicletas mais completas, equipadas e robustas. Até porque o treino costuma ser realizado em ambientes desafiadores, como em estradas de terra, em trilhas e nas montanhas.

No entanto, independente da finalidade da bicicleta, o fato é que elas são sujeitas a riscos, tanto específicos quanto comuns aos demais equipamentos. É aí que entra a importância de contratar um seguro.

Apesar da existência de muitos roubos, o usuário poderá recuperar o seu bem caso algo de mal aconteça ao equipamento. Da mesma forma, o alto valor das bikes pode ser facilmente recuperado por meio do seguro.

Além disso, o proprietário pode andar pelas ruas com mais tranquilidade, sabendo que qualquer defeito ou avaria poderá ser restituído pelo seguro. Ou seja, esse contrato assegura a proteção de um verdadeiro patrimônio.

Quais são as vantagens de contratar um seguro de bicicleta?

Já pensou em todos os riscos que o proprietário está correndo ao ter uma bicicleta? Trata-se de um equipamento que chama a atenção dos criminosos e aumenta o potencial de ocorrência de situações graves. Confira, a seguir, os benefícios de fazer a contratação de um seguro de bicicletas.

Os valores da apólice são ajustáveis

É possível contratar planos de cobertura personalizados, ou seja, cujo contrato foi elaborado sob medida para cada usuário em particular. Até porque o mercado de proprietários de bicicletas engloba pessoas com diferentes personalidades e que fazem diversos usos de sua bike. Desse modo, é mais viável customizar os serviços levando em consideração as necessidades e o estilo de vida de cada ciclista. Portanto os valores que devem ser pagos pelo segurado são variáveis.

O contrato costuma abranger uma cobertura ampla

A cobertura do seguro de bicicletas envolve diversas situações, como o furto e o roubo — casos muito comuns em grandes cidades, onde o índice de violência costuma ser alto.

Além disso, há a previsão de cobertura em casos de perda do equipamento, avarias, a quebra de alguma peça específica, enchentes, arranhões que estraguem a pintura, pneus furados e desgastados, entre outras situações. Desse modo, o ciclista pode ter a bike recuperada mais facilmente.

Agilidade no serviço

O serviço envolvendo a contratação do seguro é feito de forma ágil e otimizada. Existem algumas seguradoras que permitem, inclusive, o cadastramento online. De todo forma, basta que o interessado apresente a sua documentação pessoal (identidade, CPF, comprovante de residência e renda etc) e os documentos da bicicleta (nota fiscal e manual do fabricante, por exemplo).

Geralmente é necessário que o representante faça uma vistoria prévia para analisar as condições do equipamento. Da mesma forma, há agilidade no momento de acionamento do seguro. A empresa seguradora fica responsável por providenciar todos os trâmites envolvendo a devolução do prêmio, por exemplo.

Pedalar com mais tranquilidade

O ciclista consegue sair para pedalar com mais sossego e segurança, já que tem a consciência de que não enfrentará a perda de seu patrimônio, caso venha a sofrer um furto, ou perder a bike.

Como funciona a contratação do seguro?

A contratação envolve a entrega da documentação do ciclista e também da bike. Da mesma forma, é feita a discussão sobre os valores relativos às prestações mensais, o prêmio, a forma de pagamento etc.

Nos casos em que a bicicleta seja usada ou não tenha nota fiscal, por exemplo, será necessário uma avaliação mais precisa. Após, a seguradora terá o dever de analisar a situação e emitir um parecer sobre a possibilidade de aceitação do seguro e o posterior fechamento do contrato.

O seguro cobre que tipo de situação?

O contrato apresenta uma cobertura muito ampla. Ele costuma cobrir as seguintes situações:

  • indenização em decorrência de perdaroubo ou furto do equipamento;

  • acidentes que o ciclista venha a sofrer enquanto está pedalando;

  • danos causados à estrutura da bicicleta enquanto pedala, ou devido a acidentes comuns, como pneu arriado, pedal frouxo, freio deficiente etc;

  • danos materiais e corporais que possam ser causados a terceiros (da mesma forma que o seguro de carros);

  • cobertura em caso de responsabilidade civil (ou seja, há a garantia de reembolso caso o segurado seja considerado culpado de algum acidente de natureza civil).

A contratação de seguro de bicicleta é a melhor forma de garantir que o seu patrimônio esteja devidamente a salvo em caso de situações críticas. Contudo as apólices também apresentam exclusões de cobertura. Assim, os casos de furto simples, facilitado pelo segurado, são discutíveis no contrato. Por isso, é importante armazenar a bike em locais seguros e com o mínimo de riscos, além de utilizar correntes, cadeados e travas para proteger o equipamento.

Deseja proteger a sua bicicleta contra eventuais situações de risco? Então entre em contato com a Kakau Seguros e conheça as nossas soluções!