A gente já sabe que você curte bikes e que se esforça nos treinos de ciclismo, mas será que você está realmente realizando aquilo que planejou para os seus treinamentos? É extremamente importante medir os esforços aplicados em momentos de treino para saber se estão sendo eficazes para a sua busca pelo alto rendimento.


Foi pensando nisso que a equipe da Kakau Seguros preparou este material completo sobre a Escala de Percepção de Esforço. Na leitura, você confere uma definição sobre a temática e ainda descobre como medi-la nos seus treinos de bike. Está pronto para conferir tudo isso? Então, siga a leitura!


Saiba do que se trata a Escala de Percepção de Esforço

Quando você se desloca para um treino de ciclismo ou de mountain bike, diversos níveis de esforços são aplicados durante as pedaladas e, nesse sentido, cada intensidade se relaciona de uma maneira diferente com o seu organismo.


Para observar esse nível, algumas estratégias podem ser aplicadas, como a medição da frequência cardíaca e a Escala de Percepção de Esforço. A segunda é uma das mais acessíveis para compreender o nível de dificuldade do treino justamente porque não depende de nenhum investimento.


Para entender o esforço aplicado no treino utilizando a PES (Percepção Subjetiva de Esforço), basta que o ciclista note o quão confortável está no momento da atividade e denomine o nível de esforço aplicado. Para tal, pode-se utilizar denominações como: leve, confortável, moderado, difícil e muito difícil.


Principais fatores que influenciam a EPE

É claro que o nível de esforço aplicado no treino de bike não depende apenas do exercício proposto, mas das suas individualidades. Entre tantos, os principais fatores são as condições biológicas, físicas do momento e psicológicas. Ao exercitar o autoconhecimento e a compreensão das influências no seu treino, os resultados tornam-se cada vez mais altos.


Entenda como medir a o seu esforço nos treinos de ciclismo

Como comentamos, a percepção de esforço é uma das melhores e mais certeiras estratégias para compreender o nível do empenho aplicado no treino, afinal quem te conhece melhor do que você mesmo? Porém, há outras ferramentas bastante úteis para o processo. Conheça algumas a seguir.


Garmin Connect


Essa plataforma on-line permite que você observe o seu rendimento e a melhoria de desempenho por meio da medição da sua frequência cardíaca. Com o Garmin Connect, é possível estipular metas e garantir um companheiro virtual para os treinos de ciclismo.


Strava


Esse app coleta dados dos seus treinamentos e faz comparações — inclusive com os treinos de outros ciclistas. Esse aplicativo para smartphone é considerado bastante motivacional e, por muitos, até viciante.


Pronto! Agora você já conhece a Escala de Percepção de Esforço e sabe como aplicá-la nos seus treinos de bicicleta. Vale saber que, para gerenciar os treinamentos da melhor maneira, pode-se contar com o apoio de um profissional de educação física de confiança. Dessa maneira, os seus esforços das pedaladas serão direcionados de maneira muito mais eficiente.


E aí, o que você achou deste post sobre Escala de Percepção de Esforço no ciclismo? Saiba que tem muito mais conteúdo nas nossas redes sociais!


Siga-nos no Facebook e confira posts exclusivos da Kakau Seguros.