Realizar uma gestão imobiliária eficiente é fundamental para alcançar bons resultados e manter a competitividade dos negócios diante dos desafios do mercado. Sendo assim, é muito importante adotar relatórios consistentes e confiáveis que forneçam informações precisas na hora de tomar decisões importantes.

Atualmente existem diferentes métricas que podem ser adotadas para mensurar os resultados de uma gestão implementada no mercado imobiliário.

Por isso, vamos abordar o tema neste artigo e mostrar alguns tipos de relatórios que devem ser considerados para a definição de um planejamento estratégico bem fundamentado.

Então continue a leitura e se mantenha sempre atualizado!

Relatório de visita

Nesse relatório, o corretor pode apontar todas as visitas realizadas e inserir nele todas as informações relevantes para que os diretores consigam acompanhar detalhadamente a evolução de cada cliente.

O ideal é que a plataforma seja constantemente alimentada para que as informações fiquem sempre atualizadas e que, a partir dos dados fornecidos, os alinhamentos de acordo com as necessidades de cada cliente sejam feitos.

Relatório de avaliação de visita

No relatório de visita, o corretor pode disponibilizar informações relevantes e feedbacks dos clientes sobre as visitas realizadas.

Com isso, é possível criar um histórico de evolução dos atendimentos, assim como realizar apontamentos relevantes que podem ajudar na conversão da venda de acordo com a etapa do processo de venda em que a negociação estiver.

Relatório de perda de negócio

Nem toda visita tem como resultado a concretização da venda e, por isso, o relatório de perda é importante. É somente por meio dele que será possível identificar os motivos pelos quais o negócio não foi efetivado.

O objetivo do documento é que os motivos que impediram a concretização ou o cancelamento do contrato sejam apontados com clareza para que a correção de pontos que precisem ser ajustados possa ser feita.

Ficha de especificações

Na ficha de especificações, o corretor pode gerar e entregar por impresso um relatório detalhado no qual o cliente pode ter informações importantes sobre o imóvel, condições de negociação e outros dados.

A ideia é que o cliente em potencial obtenha todas as informações que melhorem sua experiência de compra, esclareça dúvidas e potencialize a possibilidade de concretização de negócios.

Lembre-se sempre que um atendimento de qualidade é um diferencial impactante em um mercado tão concorrido e que os clientes estão cada vez mais exigentes.

Outro ponto importante a ser considerado é a fidelização dos leads, que, uma vez satisfeitos, tendem a não somente voltar a se relacionar, mas também fazer a indicação para amigos e familiares, seja através das redes sociais ou pelo famoso “boca a boca”.

Em um mercado cada vez mais competitivo, quanto mais informação de qualidade o gestor tiver acesso, maior será o seu poder de decisão. A tecnologia pode ser uma aliada importante nessa tarefa, já que com softwares e plataformas on-line é possível otimizar ações e melhorar o uso dos recursos disponíveis.

Agora que você já sabe a importância do relatório para uma gestão imobiliária bem-sucedida, pode aplicar o que melhor se adaptar as necessidades dos seus negócios e obter bons resultados.

E aí, gostou do conteúdo do texto? Então nos siga nas redes sociais e fique por dentro de todas as nossas novidades! Estamos no FacebookInstagram Linkedin.