Quem pedala sabe que qualquer distração ou incômodo pode causar um acidente ou a perda de segundos em uma competição. Por isso, proteger os nossos olhos é essencial para o conforto e segurança de qualquer ciclista, independentemente da modalidade que pratica.

Esses são alguns motivos que justificam o uso de óculos para ciclismo em todas as pedaladas. Criamos este artigo com o objetivo de mostrar a importância desse acessório e ajudar a escolher o mais apropriado. Acompanhe!

Qual a importância dos óculos para ciclismo?

A velocidade que uma bicicleta atinge é muito superior a uma caminhada ou corrida a pé. Portanto, o risco de impactos nos olhos com objetos no caminho do ciclista aumenta. As colisões com variadas partículas e pequenos insetos presentes nas pistas podem provocar a queda do ciclista ou a perda da visão.

Além da proteção contra os impactos físicos, os óculos para ciclismo têm a função de promover o conforto visual e melhor visibilidade da pista de acordo com a cor da lente escolhida pelo atleta.

Como escolher os óculos ideais?

Para adquirir o equipamento certo, é necessário considerar alguns parâmetros. Veja o que deve ter em mente antes de fazer a compra:

    • horário em que usará a bike: importante para determinar a cor das lentes, ou seja, se deverão ser escuras ou claras;
    • modalidade de ciclismo: se for de estrada ou competições, os modelos aerodinâmicos são mais eficientes. No caso de mountain bike, o ideal é que propiciem visibilidade para detectar imperfeições nas trilhas;
    • com ou sem correção de grau: nesse caso, é essencial que você tenha a receita de seu oftalmologista e procure uma ótica em vez de uma loja de esportes.

Quais são os modelos de óculos para ciclismo?

Atualmente, está disponível no mercado uma grande variedade de óculos para ciclismo. Esses acessórios são basicamente compostos por dois itens: as armações e as lentes.

A armação, além da estética, é responsável pelo conforto no rosto do ciclista. São fabricadas em nylon, plástico e até fibra de carbono. Esta última é para aqueles que fazem questão de portar um produto leve e não se preocupam com desembolsar uma quantia a mais.

De acordo com o formato do rosto, o ciclista pode optar por modelos com ou sem narigueira. Outra opção interessante são aquelas armações que possibilitam trocar as lentes. Dessa maneira, conforme a iluminação, você poderá optar por uma mais clara ou mais escura sem a necessidade de ter vários óculos.

As lentes protegem os olhos contra possíveis impactos com objetos na trilha, na rua ou na estrada, como galhos de árvores, insetos, pedras e partículas de poeira. Suas diferentes cores promovem um tipo de proteção. Saiba quais são elas:

    • escuras: apropriadas para dias de sol, com claridade intensa, protegem contra os raios UV;
    • claras: recomendadas para os dias nublados ou horários de pouca luminosidade — alguns ciclistas gostam de utilizá-las nas viagens noturnas;
    • fotocromáticas: essas lentes são versáteis, pois variam de acordo com a luminosidade do ambiente. Logo, podem ser utilizadas durante o dia ou a noite e em dias ensolarados ou nublados;
    • amarelas ou alaranjadas: recomendadas para as pedaladas noturnas, ampliam o campo de visão e aumentam o contraste dos objetos e da pista.

Neste post, você pôde perceber que os óculos para ciclismo são acessórios imprescindíveis para a prática desse esporte, independentemente da modalidade escolhida. Saiba que um ciclista bem-equipado, além de cuidar de sua segurança, desperta a atenção de pedestres e de motoristas em seu caminho.

Gostou do assunto? Estamos também nas redes sociais. Você pode nos encontrar no Facebook e no LinkedIn.