Quem tem cachorro ou gato, sabe da dificuldade que é deixar o lar confortável para o animal de estimação, ainda mais se você mora em apartamento ou casa pequena. Porém, algumas dicas simples podem ajudá-lo a otimizar o espaço da residência e dar todo o conforto não só para seu bichinho, mas também para você.

Afinal, com a rotina corrida que temos atualmente, é crucial que o espaço para os animais de estimação também esteja preparado para nos auxiliar na hora da limpeza e do cuidado com o bichinho.

Neste artigo, você vai descobrir tudo o que precisa para construir um lar confortável para o animal de estimação, que também não lhe dê trabalho na hora da manutenção e ajude a poupar tempo!

1. Disponibilize o espaço adequado

Apartamentos são ótimos para animais de raça pequena e, normalmente, eles se acostumam com muita facilidade. No entanto, o mesmo não acontece com cachorros de raças médias ou grandes, ou que possuem muita energia.

É o caso, por exemplo, de beagles e labradores. Isso acontece não só por serem cachorros maiores, mas também porque possuem muito vigor e gostam de correr. Portanto, em alguns casos, podem se transformar em bolinhas de destruição massiva dentro de casa!

Por isso, antes mesmo de mudar para a residência, é crucial avaliar se o espaço disponível é mesmo o ideal para seu bichinho.

2. Escolha móveis resistentes

Uma coisa que muitos donos não pensam, ao adaptar a casa para torná-la um lar confortável para o animal de estimação, é quanto aos móveis escolhidos. E não estamos falando apenas do espaço da residência no qual o cachorro ou o gato costuma ficar: toda a casa precisa ser pensada para evitar transtornos e melhorar, inclusive, sua qualidade de vida.

Isso significa que você deve fugir de móveis delicados, tecidos que acumulam pelos ou tapetes que aglomeram sujeira. Sofás de couro são uma ótima opção porque evitam transtornos caso o animal faça suas necessidades em cima deles, por exemplo.

3. Invista em telas de segurança

Se você mora em apartamento, as telas de segurança são cruciais! Tanto para gatos, por motivos óbvios, quanto para cachorros. Para estes últimos, especialmente em casos nos quais tenham o costume de pular, gostem de olhar a rua ou apenas sejam muito ativos. A tela vai prevenir quedas, manter a casa segura e, até mesmo, evitar uma fuga.

4. Separe um lugar para a cama e a ração

Um lar confortável para o animal de estimação precisa, claro, de um espaço em que ele se sinta seguro para dormir e comer. Você pode separar um lugar específico da casa para uma caminha e ração, de preferência, longe do lugar em que o animal geralmente faz suas necessidades.

Outra dica é aproveitar qualquer cantinho da casa: sabe aquele lugarzinho debaixo da mesa de canto? Você pode colocar uma caminha pequena ali, garantindo que o animal tenha conforto em qualquer lugar do lar.

5. Opte por materiais antialérgicos para os potes do animal

Falando em cantinho para ração, outro ponto importante, e que evita muitos problemas, é optar por potes de água e ração que sejam antialérgicos. Os de plástico são os mais fáceis de encontrar, mas é relevante que você verifique se eles têm em sua composição algo que possa fazer mal ao animal.

As melhores opções, nesse sentido, são os potes de vidro ou porcelana. Inclusive, eles podem ser mais simples de limpar do que os potes de plástico e têm menos propensão a acumular resíduos.

6. Separe um local exclusivo para as necessidades dele

Mesmo que seu cachorro já seja acostumado a fazer as necessidades durante os passeios, é crucial que você separe um cantinho dentro de casa apenas para isso.

O ideal é que esse espaço seja bem ventilado, para evitar que o ambiente fique fedido. Você também pode apostar nos tapetes higiênicos, que facilitam muito na hora de limpar o local e ainda evitam que o cheiro do xixi se prolifere pelo ambiente.

Gostou do nosso artigo? Então cadastre-se e receba nossos conteúdos!