Contar com um seguro para celular é essencial para lidar com as eventualidades do dia a dia de maneira tranquila e sem muito estresse. Porém, para aproveitar toda essa segurança oferecida pelo serviço, é preciso entender como acionar o seguro do celular da maneira correta. 

Neste post, a gente te conta, em um passo a passo direto, como usar esse seguro. E aí, você está pronto para descobrir? Então siga a leitura!

Faça um boletim de ocorrência

Lidar com o roubo do seu celular não é uma tarefa fácil, mas basta acionar o seguro para resolver esse caso. O primeiro passo, portanto, é procurar uma delegacia próxima ou acessar o portal da delegacia online e fazer um boletim de ocorrência. Nesse documento, você deve relatar o ocorrido com detalhes.

Meu celular não foi roubado, e agora?

Caso o seu telefone tenha sido extraviado ou estragado (queda do aparelho ou derramamento de líquidos) de alguma forma, você não precisa fazer o BO, mas vai precisar relatar o acontecido à seguradora e, em alguns casos, poderá ter que enviar o aparelho a ela para que haja uma análise do smartphone. 

Faça o bloqueio da linha

Para que o seu antigo celular não possa ser usado pelos ladrões, você deve fazer o bloqueio do IMEI do aparelho. Para isso, você precisa de um código de 15 dígitos que deve estar na embalagem do aparelho roubado. 

Tendo esse código em mãos, é necessário que você entre em contato com a sua operadora de telefonia e selecione a opção de bloqueio de IMEI. Vale saber que o atendente responsável pode solicitar alguns dados, como RG e boletim de ocorrência, para dar procedência à solicitação. 

Entre em contato com a empresa de seguros

O terceiro passo é entrar em contato com a seguradora do celular, a fim de relatar o acontecido. Há diversas maneiras de fazê-lo (chat, telefone, site, e-mail etc.). Exponha a ação do ladrão e explique como tudo aconteceu. 

Separe alguns documentos

A pessoa responsável pelo atendimento na seguradora vai informar você sobre os documentos necessários para prosseguir com a solicitação de acionamento do seguro do celular. Você deve reuni-los e apresentá-los à seguradora. Os documentos geralmente solicitados são: 

  • nota fiscal do aparelho, que deve ser enviada no formato de PDF;
  • boletim de ocorrência;
  • números de RG e CPF e, às vezes, o documento digitalizado;
  • comprovante de residência, que também deverá ser enviado como PDF.

Pague a franquia

As seguradoras de celular geralmente solicitam o pagamento de uma franquia para que haja a liberação de um novo aparelho. Você pode estar se perguntando o que é essa tal franquia de seguro, e a gente explica! A franquia é uma taxa de 25% do valor médio de mercado do seu smartphone roubado, ou de 25% do orçamento do conserto em caso de danos parciais.

Se a sua leitura chegou até aqui, você já deve ter percebido que a tarefa de acionar o seguro do celular é mais simples do que você imagina. Porém, para que todas as etapas fluam e você resolva essa adversidade com tranquilidade, é essencial que a seguradora contratada seja eficiente e de confiança.

Para isso, você pode contar com o Kakau Protege, um serviço completo e de confiança para o seu celular. Descubra mais sobre ele!